Economia

Castelo Branco: Autarquia ajuda empresas a acelerar no inicio de atividade

Cristina Valente | 2017-09-13 07:18:00

Castelo Branco vai ter uma aceleradora de empresas, um espaço situado na zona industrial de Castelo Branco, com capacidade para acolher 7 Pequenas e Médias Empresas (PME).

O investimento ronda 1 milhão e 200 mil euros, verba financiada em 85% pelo Centro 2020.

A assinatura do termo de aceitação  teve lugar esta terça-feira, dia 12, na Câmara Municipal de Castelo Branco, com a presença de Luís Correia e Ana Abrunhosa em representação da Câmara de Castelo Branco e da CCDRC respetivamente.

O pavilhão com 2.500 metros quadrados, vai ter 7 espaços para empresas, com áreas entre 200 e 400 metros quadrados,  zonas comuns, como refeitório e salas de administração, e "é mais uma infraestrutura que vem completar o conjunto de infra-estruturas que temos ao serviço da economia" afirmou na ocasião Luís Correia.

O autarca recorda que a Câmara tem investido em infra-estruturas de apoio à criação de emprego, algumas muito direcionadas para o agro-alimentar, nomeadamente, Centro de Criação de abelhas Rainha, o Parque de Leilões de Gado e o Centro de Tratamento de Figo da India.

Esta aceleradora de empresas vem complementar a oferta no apoio à economia e criação de emprego.

"Este é um investimento fundamental para apoiar empresas no seu início de atividade, há pequenas empresas a funcionar em garagens ou em espaços menos próprios, que terão aqui a possibilidade de ter um espaço digno no "arranque" da sua atividade" afirmou o autarca.

Ana Abrunhosa deu os parabéns à autarquia por saber e conseguir seguir a tendência nacional, de criar espaços como este para instalar as empresas.

"Mais uma vez Castelo Branco interpreta a tendência de mercado, para conseguir atrair e ajudar a criar emprego. Cada vez mais as empresas no inicio de atividade não querem ter os custos de construção, o que querem é espaços como este que aqui vai ser criado" afirmou a responsável da CCDRC.

Ana Abrunhosa explicou que há mais de um ano foi aberto um concurso para Áreas de Localização Empresarial (ALE), que recebeu 56 candidaturas das cerca de cem municípios da região Centro. Das 56 candidaturas apresentadas foram aprovadas 39, entre elas a de Castelo Branco.


Publicidade
Meteorologia
Hoje
Amanhã
Noticias
Newsletter
Publicidade
Publicidade
© Diario Digital Castelo Branco 2017
Desenvolvido por citricweb.pt