Parlamento dos Jovens: Eleitas as Escolas e Deputados que representam Castelo Branco na sessão Nacional

A Sessão Distrital do Ensino Secundário do Programa Parlamento dos Jovens de Castelo Branco foi realizada na passada 3ª-feira, dia 19 e que teve lugar no Auditório dos Serviços do Instituto Português do Desporto e Juventude de Castelo Branco.

  • Educação
  • Publicado: 2019-02-21
  • Autor: Diário Digital Castelo Branco

A Sessão Distrital do Ensino Secundário do Programa Parlamento dos Jovens de Castelo Branco foi realizada na passada 3ª-feira, dia 19 e que teve lugar no Auditório dos Serviços do Instituto Português do Desporto e Juventude de Castelo Branco.

 A sessão deu a conhecer a lista de jovens deputados que representarão o Círculo Eleitoral de Castelo Branco na Sessão Nacional, a realizar na Assembleia da República - Lisboa, nos dias 20 e 21 de maio.

A mesa da sessão de abertura contou com a presença da Diretora Regional do Centro do Instituto Português do Desporto e Juventude, Catarina Durão, da jovem Presidente da sessão, Clara Lucas, do Agrupamento de Escolas Pedro Álvares Cabral, Belmonte e do do Vice-Presidente da Câmara Municipal de Castelo Branco, José Augusto Alves,.

Na sessão estiveram presentes 14 escolas (42 deputados efectivos e 14 suplentes), tendo elegido para representarem o Círculo de Castelo Branco na Sessão Nacional a Escola Profissional Agrícola Quinta da Lageosa, a Escola Secundária da Sertã e Escola Secundária do Fundão.

As Escolas suplentes são a Escola Secundária Amato Lusitano de Castelo Branco e Escola Básica e Secundária Pedro da Fonseca de Proença-a-Nova.

O tema proposto do Círculo de Castelo Branco à Comissão Parlamentar de Educação e Ciência para debate no próximo ano letivo é “O Estado do Ensino”.

Este Programa, que a Assembleia da República organiza em colaboração, entre outras entidades, com o Instituto Português do Desporto e Juventude, tem por objectivo promover a educação para a cidadania e o interesse dos jovens pela participação cívica e pelo debate de temas de actualidade.

Segundo o comunicado a que o Diário Digital Castelo Branco teve acesso, os deputados do círculo de Castelo Branco vão apresentar à Assembleia da República as seguintes recomendações:

1. Implementação de contentores inteligentes, que conforme o que cada agregado recicla, permitam reduzir, proporcionalmente, a taxa existente sobre os resíduos sólidos na fatura da água.

2. Aposta na eficácia, organização e desenvolvimento da rede de transportes públicos, em Portugal.

3. Proibição de queimadas e aproveitamento dos materiais que iriam ser queimados para centros de biomassa, que estes farão a sua recolha e consequente aproveitamento para produção de energia.

4. Aumentar o Imposto sobre o Valor Acrescentado (IVA) no âmbito do consumo final e intermédio de carne bovina, por forma a diminuir as emissões de metano que representam cerca de 20% do Potencial de Aquecimento Global (PAG).

Aprovada na Sessão Distrital realizada a 19 de fevereiro de 2019, no Auditório do Instituto Português do Desporto e Juventude – Castelo Branco

 

 

PUB

PUB

PUB

PUB