Castelo Branco acolheu o 28º Seminário da Rede ESCXEL

Realizou-se, no dia 22 de fevereiro, em Castelo Branco, o 28.º Seminário da Rede ESCXEL (Rede de Escolas de Excelência), sob o tema "Avaliação de Aprendizagens em Contexto de Flexibilidade Curricular", organizado pela equipa concelhia da Rede.

  • Educação
  • Publicado: 2019-03-13
  • Autor: Diário Digital Castelo Branco

Realizou-se, no dia 22 de fevereiro, em Castelo Branco, o 28.º Seminário da Rede ESCXEL (Rede de Escolas de Excelência), sob o tema "Avaliação de Aprendizagens em Contexto de Flexibilidade Curricular", organizado pela equipa concelhia da Rede.

O 28.º Seminário ESCXEL decorreu na Escola Secundária Nuno Álvares e teve como principal objetivo discutir a avaliação de aprendizagens em contexto de flexibilidade curricular e a forma de a mobilizar para a melhoria de todo o processo de ensino e aprendizagem. Estiveram presentes diversos professores e agentes educativos dos agrupamentos de escolas dos oito concelhos que integram a Rede: Amadora, Batalha, Castelo Branco, Constância, Mação, Oeiras, Sardoal e Vila de Rei.

O seminário contou com as comunicações do Prof. Doutor David Justino, Coordenador da Rede ESCXEL, e da Mestre Paula Simões, Diretora de Serviços de Avaliação Externa do Instituto de Avaliação Educativa, I.P., que desenvolveram o conceito de avaliação,  as suas diversas modalidades, o seu propósito e contributo fundamental para o sucesso de todos os alunos. Durante o encontro, houve ainda possibilidade de se estabelecer um debate muito participado, já que a nova legislação em vigor no sistema de ensino requer novas práticas e suscita ainda diversas dúvidas.

A Rede ESCXEL tem procurado apoiar as escolas e as comunidades educativas na partilha de boas práticas, na reflexão sobre os resultados e na procura das melhores soluções para cada contexto educativo. O trabalho desenvolvido por esta rede colaborativa, criada há 10 anos, mereceu o reconhecimento da Comissão Europeia e da OCDE, tendo sido considerada como uma das 5 melhores práticas da Europa, enquanto experiência de trabalho cooperativo em rede.

PUB

PUB

PUB

PUB