Politécnico de Castelo Branco assina protocolo de cooperação com a Cáritas

O Instituto Politécnico de Castelo Branco (IPCB) assinou um protocolo de cooperação com a Cáritas Diocesana de Portalegre-Castelo Branco e com a Cáritas Portuguesa, com o objetivo de aprofundar o estudo das matérias sociais.

  • Educação
  • Publicado: 2019-05-15
  • Autor: Diário Digital Castelo Branco

O Instituto Politécnico de Castelo Branco (IPCB) assinou um protocolo de cooperação com a Cáritas Diocesana de Portalegre-Castelo Branco e com a Cáritas Portuguesa, com o objetivo de aprofundar o estudo das matérias sociais.

Este protocolo foi assinado no âmbito do VI Seminário do Mestrado em Gerontologia Social “Realidade(s) e Contextos de Risco" e tem por objetivo específico a atribuição de um prémio, e a edição em livro da melhor tese de Mestrado na área de investigação em Serviço Social.

O livro será editado pela Cáritas Portuguesa, através da Editorial Cáritas, e os trabalhos de investigação selecionados por um júri constituído por representantes das três instituições.

O IPCB, através da sua Escola Superior de Educação, a Cáritas Diocesana de Portalegre-Castelo Branco e a Cáritas Portuguesa organizarão, em conjunto, uma conferência sobre os trabalhos de investigação, na qual será feito o lançamento e a apresentação do trabalho premiado.

O nome do prémio a atribuir será escolhido pela Cáritas Diocesana de Portalegre-Castelo Branco, e escolhido de entre as personalidades da diocese que, nos últimos 100 anos, mais se tenham distinguido na sua atividade social.

Assinaram o protocolo de cooperação, o Presidente do IPCB, António Fernandes, o Presidente da Direção da Cáritas Diocesana de Portalegre-Castelo Branco, Elicídio Dinis Pereira Blidé e o Presidente da Direção da Cáritas Portuguesa, Eugénio José da Cruz Fonseca.

PUB

PUB

PUB

PUB