Covilhã: UBI vai ter curso de Matemática e Aplicações

 A Universidade da Beira Interior (UBI), na Covilhã, vai ter uma licenciatura em Matemática e Aplicações focada em áreas como análise de dados, criação de modelos de previsão económica e avaliação de mercado, anunciou hoje esta instituição de ensino superior.

  • Educação
  • Publicado: 2019-07-10
  • Autor: Diário Digital Castelo Branco

 A Universidade da Beira Interior (UBI), na Covilhã, vai ter uma licenciatura em Matemática e Aplicações focada em áreas como análise de dados, criação de modelos de previsão económica e avaliação de mercado, anunciou hoje esta instituição de ensino superior.

"É uma aposta muito importante, porque se enquadra numa das áreas mais nobres do cânone disciplinar universitário e que integra componentes formativas ao nível das novas tecnologias de informação, inovação e ‘Data Science', permitindo dar resposta àquilo que vão ser os desafios e necessidades profissionais do futuro", disse à agência Lusa o reitor da UBI, António Fidalgo.

Destacando que esta "é uma formação única em todo o interior do país", António Fidalgo também sublinhou que a nova licenciatura vem reforçar a oferta desta instituição de ensino superior que está sediada na Covilhã, no distrito de Castelo Branco.

Segundo a informação da UBI, o novo curso arranca já no próximo ano letivo, prevendo-se que tenha 20 vagas no Concurso Nacional de Acesso ao Ensino Superior, que começa no dia 17.

A informação também especifica que esta licenciatura terá um plano de estudos flexível, que permitirá aos estudantes a escolha entre as áreas da sua preferência e a opção por uma formação integralmente focada na Matemática ou nas áreas de Economia e Informática.

"O curso garante um vasto leque de opções profissionais para os futuros licenciados, uma vez que a formação na área de Data Science é muito procurada em setores como a computação, logística e transportes, telecomunicações e banca, entre outros. A área está entre as mais procuradas pelo mercado de trabalho e os cursos existentes apresentam níveis de desemprego zero", é referido na nota de imprensa.

A UBI também assume o objetivo de tentar atrair os melhores alunos para este curso, que integrará o programa "Bolsas+UBI", que oferece, por um período de três anos, a isenção de propinas aos estudantes com nota de candidatura igual ou superior a 17 valores e colocação em primeira opção. Os alunos colocados também em primeira opção com média igual ou superior a 16 valores têm direito a dois anos de isenção. Com nota superior a 15 valores, independentemente da opção, a isenção é de um ano.

PUB

PUB

PUB

PUB