Infarmed manda retirar do mercado dois lotes de tiras de teste de glicemia

A autoridade que regula o sector do medicamento mandou retirar do mercado dois lotes de tiras para realizar o teste de glicemia por poderem apresentar resultados inferiores aos valores reais.

  • País
  • Publicado: 2010-03-16
  • Autor: Diario Digital Castelo Branco
A autoridade que regula o sector do medicamento mandou retirar do mercado dois lotes de tiras para realizar o teste de glicemia por poderem apresentar resultados inferiores aos valores reais.

Um alerta da Autoridade Nacional do Medicamento e Produtos de Saúde determina que sejam recolhidos os lotes “2983466” e “2969841” das tiras de teste “OneTouch, GlucoTouch” fabricadas pela empresa “LifeScan - Johnson & Johnson, Lda”.

O Infarmed adianta ter sido a empresa a informar a autoridade do medicamento desta situação, explicando que estes lotes podem apresentar “resultados de glicemia inferiores aos valores reais quando a concentração de glucose no sangue é superior a 400mg/dL”.

“O fabricante está a investigar a causa deste problema para poder implementar as medidas corretivas e preventivas adequadas”, refere a autoridade do medicamento.

O Infarmed recomenda a quem possuir as tiras desta marca que verifique o número de lote constante na embalagem. Caso seja distribuidor e tenha em stock os números de lotes referidos, não deve comercializá-los, mas sim devolvê-los à empresa.

No caso de ser utilizador das tiras de teste dos lotes acima mencionados, deve contactar a empresa através no número 800 201 203 para receber um produto de substituição.

“Enquanto esperam pelo produto de substituição, os utilizadores devem continuar a monitorizar os seus níveis de glucose no sangue”, aconselha o Infarmed.

No entanto, acrescenta, se utilizarem as tiras de teste do sistema OneTouch GlucoTouch e obtiverem um resultado igual ou superior a 400mg/dL existe a possibilidade de o nível atual de glucose no sangue ser significativamente superior.

Devido a esta situação, as pessoas deverão confirmar o resultado através de outro meio alternativo ou contactar um profissional de Saúde.

PUB

PUB

PUB