Proença-a-Nova atrai cada vez mais turistas nos meses de verão

O concelho de Proença-a-Nova está cada vez mais no centro das atenções dos turistas. Durante os meses de julho e agosto foram vários os que escolheram Proença-a-Nova como destino de férias. “A aposta na criação de condições para que os turistas escolham Proença-a-Nova como destino de férias está a dar frutos e as estatísticas comprovam-no. Proença-a-Nova tem condições de atratividade diferenciadas.

  • Economia
  • Publicado: 2019-09-29
  • Autor: Diário Digital Castelo Branco

O concelho de Proença-a-Nova está cada vez mais no centro das atenções dos turistas. Durante os meses de julho e agosto foram vários os que escolheram Proença-a-Nova como destino de férias. “A aposta na criação de condições para que os turistas escolham Proença-a-Nova como destino de férias está a dar frutos e as estatísticas comprovam-no. Proença-a-Nova tem condições de atratividade diferenciadas.

Desde o património histórico ao património natural e à floresta, passando pela gastronomia são o nicho de mercado turístico que interessa efetivamente. São turistas que procuram aquilo que o Interior de uma forma geral mais pode oferecer, que é o turismo de autenticidade, o turismo ambiental, o turismo gastronómico. “Mas, mais importante do que a geografia, Proença-a-Nova é o sítio certo”, afirma João Lobo, Presidente da Câmara Municipal de Proença-a-Nova, em comunicado.

Segundo informação a que o Diário Digital teve acesso, o Centro Ciência Viva da Floresta continua a ser o equipamento turístico mais visitado do concelho. Nos meses de julho e agosto recebeu mais de 2.300 visitantes, na sua maioria franceses, seguido do Reino Unido. As atividades do Ciência Viva no Verão contaram com 120 participantes, com destaque para “O que contam as estrelas” e “Os Segredos do Vale Almourão”. Seguiu-se o Parque de Campismo da Praia Fluvial da Aldeia Ruiva, de gestão municipal, que recebeu mais de 1.000 campistas, entre junho e agosto.

Ao longo destes meses, o Município de Proença-a-Nova promoveu um programa repleto de atividades que animaram residentes e visitantes do concelho. As praias fluviais e zonas balneares de Proença-a-Nova receberam o Festival das Artes da Beira Baixa, do projeto Beira Baixa Cultural, um conjunto de cinco espetáculos que animaram os principais pontos de atração do concelho durante o verão. Este festival aconteceu na Zona Balnear de Alvito da Beira, a 20 de julho, na Praia Fluvial da Fróia a 1 de agosto, na Zona Balnear da Cerejeira a 8, na Praia Fluvial da Aldeia Ruiva a 22 e na Praia Fluvial do Malhadal a 29.

O Proença Anima o Teu Verão encerrou a época de 2019 com um balanço muito positivo na generalidade das iniciativas concretizadas. O destaque recaiu na Descida de Rio Ocreza, a 27 de julho, que bateu o recorde de participantes: dividida em três momentos, manhã, tarde, esta atividade recebeu cerca de 100 pessoas que quiseram desfrutar da beleza ímpar do Rio Ocreza e da Barragem da Pracana. A par das brincadeiras proporcionadas pelo parque aquático Fluvifun instalado no Malhadal, a Tarde Aventura contou com cerca de 100 participantes que disfrutaram de atividades como slide, rappel e canoagem, aproveitando o espelho de água da ribeira do Malhadal. As habituais aulas de hidroginástica percorreram as piscinas públicas de São Pedro do Esteval, todas as segundas e quartas-feiras, e Pedra do Altar, às terças e quintas-feiras, e todas as sexta-feira na Piscina Municipal, contaram com uma média de 15 pessoas por aula, em linha com as edições anteriores.

Paralelamente ao programa de atividades desportivas, a Unidade Móvel de Saúde visitou as praias fluviais durante os meses de julho e agosto, sensibilizando os veraneantes para os cuidados a ter com o sol, ao mesmo tempo que se fazem rastreios que permitem avaliar alguns indicadores de saúde. Nesta época balnear, a novidade foi a inclusão das piscinas públicas de Pedra do Altar e São Pedro do Esteval no roteiro da UMS, num total de 26 saídas e 405 atendimentos, dos quais 113 foram pessoas de fora do concelho.

PUB

PUB

PUB

PUB