Ródão: Mário Cachão em Sarnadas no próximo domingo

No próximo domingo dia 13 de Outubro, a visita temática “Caminhada para o impacto das alterações climáticas” é reforçada pela presença do Prof. Mário Cachão, da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa.

  • Região
  • Publicado: 2019-10-10
  • Autor: Diário Digital Castelo Branco

No próximo domingo dia 13 de Outubro, a visita temática “Caminhada para o impacto das alterações climáticas” é reforçada pela presença do Prof. Mário Cachão, da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa. Mário Cachão é Professor Associado do Departamento de Geologia desta reconhecida universidade, especialista em paleoceanografia, mais concretamente na evolução e extinção de fauna marinha com as modificações climáticas que têm ocorrido durante o Quaternário, nos últimos milhares de anos. É também um conhecido comunicador de Ciência com mais de 20 anos de experiência.

A sua participação decorre do convite lançado pela Associação Desportiva e Acção Cultural Sarnadense ao Geopark Naturtejo – Geoparque Mundial da UNESCO.

Por Clima entenda-se não manifestações discretas e pontuais do tempo meteorológico (Meteorologia sinótica) (confusão ingénua mas permanente e persistente, nos media) mas médias de 30 anos (uma estatística portanto, uma invenção humana para conseguir lidar com a enorme variabilidade do sistema climático). 

Aceitar ou acreditar na exclusividade do forçamento antropogénico no Clima é útil. Leva a comportamentos mais racionais e sustentáveis e, com isso, todos ganhamos. Mas também é perigoso. Perde-se, por exemplo, a noção de que, independentemente da nossa capacidade em diminuir a emissão de gases com efeito de estufa, temos de tornar as sociedades cada vez mais robustas aos fenómenos climáticos porque se há coisa que caracteriza o nosso Planeta é que o seu Clima muda, e vai continuar a mudar, cíclica ou caoticamente. Eventos climáticos extremos, por natureza imprevisíveis, matam (muita) gente. 

Alterações climáticas têm feito desaparecer civilizações, permitindo o povoamento de novos territórios, assim como o abandono ou desaparecimento de outros tantos. A História, e antes disso, o registo geológico, tem disso vários exemplos. O debate sobre alterações climáticas deve basear-se em factos científicos e esta é a oportunidade para discutir no terreno, com um cientista, as causas das alterações climáticas, as suas implicações para os ecossistemas onde se integram as comunidades humanas no presente e no futuro a curto, médio e longo prazo.

As inscrições para esta visita temática organizada pela ADACS e pelo Município de Vila Velha de Ródão são gratuitas, estão a decorrer e são limitadas.

Inscrições: adacsarnadense@gmail.com | 966 109 863

PUB

PUB

PUB

PUB