Vilafranquense bate Sporting da Covilhã na estreia de Armando Evangelista

O ‘aflito’ Vilafranquense venceu hoje o Sporting da Covilhã por 1-0, na estreia do treinador Armando Evangelista, em encontro da 20.ª jornada da II Liga portuguesa de futebol.

  • Desporto
  • Publicado: 2020-02-09
  • Autor: Diário Digital Castelo Branco/Lusa

Um golo de Rafael Furlan, logo aos cinco minutos, selou o triunfo do conjunto local, que somava oito jogos consecutivos sem vencer (cinco empates e três derrotas), depois do triunfo caseiro face à Académica (3-1), em 30 de novembro de 2019.

Na estreia de Armando Evangelista, os ribatejanos foram melhores na primeira parte e o Sporting da Covilhã esteve por cima na segunda, tendo mais posse de bola e sendo mais perigoso, mas sem conseguir chegar à igualdade.

Ainda algum do publico presente não se tinha sentado nas bancadas do Municipal de Rio Maior e já o Vilafranquense se colocava na frente do marcador, com um golo de Rafael Furlan, oportuno, na recarga a um alívio de cabeça de Gilberto, depois de um cruzamento de Wilson Santos.

O Covilhã tinha mais posse de bola, mas não encontrava grandes espaços no último terço de terreno, destacando-se apenas um cabeceamento de Kukula, por alto, após livre de Gilberto.

Ao futebol mais apoiado dos serranos, respondia o Vilafranquense com uma linha de pressão bem definida, para, após a recuperação de bola, sair em rápidos contra-ataques.

O domínio do Sporting da Covilhã intensificou-se no segundo período, mas sem se traduzir em ocasiões de perigo.

Com as entradas de Jean e, mais tarde, de Gui Inters, o treinador Dauto Faquirá tentou dar maior dinamismo ofensivo ao jogo dos forasteiros, mas estes continuaram com dificuldades.

O Covilhã apenas de bola parada conseguiu assustar o conjunto ribatejano, sendo que, na parte final, a opção passou por ‘bombear’ a bola para a área, com a defesa do Vilafranquense a impor-se claramente.

Na parte final, os locais tiveram mesmo duas grandes oportunidades para dilatar a vantagem, primeiro por Wilson Santos (90+7 minutos) e depois por Daffé (90+9).

 

Jogo no Estádio Municipal de Rio Maior.

Vilafranquense - Sporting Covilhã, 1-0.

Ao intervalo: 1-0.

Marcador:

1-0, Rafael Furlan, 05 minutos.

 

Equipas:

- Vilafranquense: Rodrigo Josviaki, Denis, Dirceu, Kassio Fernandes, Rafael Furlan, Ulisses, Pepo (André Ceitil 65), Nikita Korzun, João Vieira (Gustavo Tocantins 78), Wilson Santos e Kikas (China 90+4).

(Suplentes: Filipe Semedo, Sparagna, Diogo Izata, China, Silas, Gustavo Tocantins e André Ceitil).

Treinador: Armando Evangelista.

- Sporting da Covilhã: Carlos Henriques, Tiago Moreira, Jaime, Brendon, Soares, Filipe (Gui Inters 64), Gilberto, Rodrigo António (Jean 45), Mica, Rodrigo Martins (Daffé 74) e Kukula.

(Suplentes: Bruno, Deivison, Joel, Daffé, Zarabi, Gui Inters e Jean).

Treinador: Dauto Faquirá.

 

Árbitro: Tiago Martins (AF Lisboa).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Filipe (13), Nikita Korzun (15), Tiago Moreira (43), Soares (53), Pepo (57), Rodrigo Martins (70), Rodrigo Josviaki (90+3) e Ulisses (90+9).

Assistência: Cerca de 450 espetadores.

PUB

PUB

PUB