Hospital de Castelo Branco ainda não tem nenhum doente "Covid positivo"

A Diretora Clínica da Unidade de Local de Saúde (ULS) de Castelo Branco, Eugénia André, assegura que ainda não há nenhum doente com Corona Vírus Covid-19 internado no Hospital Amato Lusitano. A Diretora falava na Câmara Municipal de Castelo Branco, ontem, na conferência de imprensa de apresentação da Base de Apoio Logístico, onde se referiu que o surto epidémico vai chegar a Castelo Branco, “mais dia, menos dia”.

  • Região
  • Publicado: 2020-03-25
  • Autor: José António Baleiras

Quanto aos planos de Contingência da área Hospitalar e dos Cuidados de Saúde Primários, Eugénia André refere que no Hospital Amato Lusitano (HAL) “ as consultas de doentes crónicos mantêm-se em regime não presencial, via telefone”, enquanto nos Cuidados Primários “se privilegia o contacto não presencial”.

Eugénia André anunciou que o 4º piso do HAL é a Zona Covid e tem uma capacidade de 50 a 60 camas, para doentes críticos e não críticos. São cerca de 20 camas que se destinam aos doentes críticos já que o serviço de Urgência Pediátrica está a funcionar no espaço da Consulta Externa.

Na área hospitalar vão ser realizadas consultas presenciais nos casos em que a presença dos utentes seja indispensável e a consulta inadiável nos casos prioritários, enquanto a atividade cirúrgica programada é exclusivamente realizada em situação que coloque em risco a vida do doente.

No que respeita à visita a doentes continua em vigor a medida de uma visita por dia, por doente, ao passo que na vertente das análises, raios-x, fisioterapia e outros a atividade do Hospital “fica reservada aos casos clinicamente relevantes, cuja suspensão acarrete risco ou prejuízo grave por ausência de realização”. o Serviço de Urgência Pediátrica a funcionar no espaço da Consulta Externa”.

A Administração da ULS procedeu de imediato à contratação de mais recursos humanos,  como técnicos superiores de diagnóstico e terapêutica, assistentes operacionais e mais enfermeiros para reforçar as equipas. Equipas em que também foram introduzidas alterações, uma vez que “quem vai observar e cuidar de doentes COVID positivos não faz atividade com outros doentes”.

Como o Diário Digital adiantou no âmbito do Plano de Saúde Mental, o Serviço de Psiquiatria e de Psicologia criou uma linha de apoio psicológico, composta por profissionais credencias, à qual se pode aceder ligado o 272109162 https://diariodigitalcastelobranco.pt/noticia/52689/uls-de-castelo-branco-disponibiliza-apoio-psicologico

Eugénia André referiu ainda que a ULS decidiu adquirir equipamentos de proteção individual para reforçar os stoks, bem como decidiu “adquirir equipamento de maior relevância, nomeadamente ventiladores e aparelho de raios-x portátil.

Nesta vertente o destaque vai ainda para a “a aquisição de testes moleculares rápidos recentemente desenvolvidos para a plataforma GeneXpert IV baseados em técnicas de amplificação de ácidos nucleicos para pesquisa de SARS-CoV2, que cumprem as orientações atuais para o diagnóstico precoce, sendo que os sistemas GeneXpert são equipamentos de PCR em tempo real totalmente automatizados, que integram todos os passos, da extração à deteção na mesma plataforma, permitindo o diagnóstico diferencial rápido.

PUB

PUB

PUB