Penamacor: “Ribeiro Sanches - Um cidadão do Mundo” em exposição na Biblioteca Municipal

A exposição “Ribeiro Sanches - Um cidadão do Mundo” está patente na Biblioteca Municipal de Penamacor, até ao dia 29 de outubro, num mês em que se assinalam 236 anos sobre a morte de Ribeiro Sanches, no próximo dia 14 de outubro.

  • Cultura
  • Publicado: 2019-10-07
  • Autor: Diário Digital Castelo Branco

A exposição “Ribeiro Sanches - Um cidadão do Mundo” está patente na Biblioteca Municipal de Penamacor, até ao dia 29 de outubro, num mês em que se assinalam 236 anos sobre a morte de Ribeiro Sanches, no próximo dia 14 de outubro. Para assinalar a data, a Sociedade dos Amigos de Ribeiro Sanches (SARSPEN), comprometida que está com a divulgação do percurso do ilustre médico e pensador, concebeu e produziu a exposição Ribeiro Sanches – um cidadão do Mundo, com a qual pretende homenagear, uma vez mais, a sua memória.

Visitar esta exposição é viajar na pegada de Sanches, com paragem nos países que este penamacorense conheceu (Espanha, Inglaterra, Itália, Holanda, Rússia ou França), onde se instalou para estudar ou exerceu a Medicina. A exposição pretende destacar não só o périplo de Ribeiro Sanches, como algumas curiosidades sobre o seu percurso e, sobretudo, alguns dos seus maiores sucessos que o elevaram ao lugar que hoje ocupa na História. Constitui-se enquanto contributo para que a memória de tão ilustre homem não seja esquecida, sobretudo na terra que o viu nascer, mas, antes, celebrada. E, é certo, motivos não faltam para celebrar este homem que foi exemplo de estudo, trabalho, competência e inteligência.

O percurso que a Exposição apresenta é, apenas, uma ínfima parte daquilo que Ribeiro Sanches significou, mas pretende ser mote para que todos sintamos motivados a conhecer mais sobre a vida e obra deste distinto penamacorense.

De realçar que, na produção da Exposição, a SARSPEN contou com o contributo de vários particulares que, muito gentilmente, cederam alguns dos objetos que a compõem.

PUB

PUB

PUB

PUB